O Portal do Geólogo
19/6/2019 20:46:26

Qualidade, a arma imbatível da Vale



Publicado em: 31/7/2015 15:40:00

Na interminável guerra do minério de ferro as quatro grandes, Vale, Rio Tinto, BHP e Fortescue utilizam de todas as armas e artimanhas possíveis para manter o controle de uma das commodities mais lucrativas da história.

Todas, sem exceção, travam uma batalha mortal para baixar os custos operacionais e manter os seus produtos competitivos. Mas, apesar do sucesso obtido, principalmente pela Rio Tinto, Vale e BHP, essa estratégia obviamente terá um fim.

Em muito breve estas mineradoras estarão tão otimizadas que quase não mais poderão reduzir os seus custos operacionais.

Quem então irá predominar?

O diferencial estará em parâmetros como o frete e a qualidade do produto oferecido ao mercado.

Quando o assunto é qualidade a Vale brilha, pois para o desânimo das competidoras, a brasileira está em um outro nível.

Nenhuma das outras grandes mineradoras tem um produto de qualidade que possa competir com o da Vale.

A Fortescue, por exemplo, está no fim de suas forças: ela não tem qualidade nem custo competitivo e será a primeira a quebrar.

Já a Rio Tinto e a BHP tem custos baixos, competitivos, mas não tem minérios que possam competir com os novos produtos da Vale tipo Brazilian Blend.

São esses produtos que só a Vale tem que irão desequilibrar a balança.

O Diretor Executivo da Vale Peter Poppinga, em conference call efetuado ontem, afirmou que o Brazilian Blend, uma mistura de minérios com 63,1% de Fe, já é um sucesso. Segundo Poppinga o Brazilian Blend já recebe um prêmio de US$3/t demonstrando, claramente, a aceitação do mercado.

Minérios com alto teor de ferro e baixo nível de contaminantes são o sonho de consumo de todas as siderúrgicas. Estes produtos reduzem custos operacionais e também os volumes de escória a serem rejeitados.

É por isso que o Brazilian Blend e o Carajás Fines estão sendo tão bem recebidos e são comprados a preços diferenciados.

Em breve a Vale dará o cheque mate nas suas competidoras quando o super minério do S11D, com 66-67%% de Fe, chegar ao mercado.

A partir deste momento serão 90 milhões de toneladas de minério de altíssima qualidade que irá destruir a competição e também, através da blendagem, viabilizar minérios de mais baixo teor do sul do Brasil.

Será a invasão dos produtos de alta qualidade, marca registrada da Vale.

Contra essas armas os australianos não conseguirão competir. A eles só restará o diferencial do frete, pela proximidade da China.




Autor:   Pedro Jacobi - O Portal do Geólogo

  

 


mercados ferrosos vocesabia minex    6188
12.000 ANOS DE ABANDONO  um livro de Pedro Jacobi

Caro usuário do Portal do Geólogo
Se você gosta de descobertas arqueológicas inéditas no meio da Amazônia vai gostar do livro que estou lançando. É um não ficção sobre uma pesquisa real que estou fazendo.

Com o avanço do desmatamento e com o auxílio da filtragem digital em imagens de satélites, descobri nada menos do que 1.200 belíssimas construções milenares, no meio da Amazônia — totalmente inéditas.

São obras pré-históricas, algumas datadas em 6.000 anos, incrivelmente complexas e avançadas — as maiores obras de aquicultura da pré-história que a humanidade já viu.
Neste livro você se surpreenderá com essas construções monumentais, grandiosas e únicas, feitas por aqueles que foram os primeiros arquitetos e engenheiros do Brasil.
Trata-se de importante descoberta arqueológica que vai valorizar um povo sem nome e sem história. Um povo relegado a um plano inferior e menosprezado pela maioria dos cientistas e pesquisadores.

Dele quase nada sabemos. Qual é a sua etnia, de onde veio, quanto tempo habitou o Brasil e que língua falava são pontos a debater.
No entanto o seu legado mostra que ele era: muito mais inteligente, complexo e tecnológico que jamais poderíamos imaginar.
Foram eles que realmente descobriram e colonizaram a Amazônia e uma boa parte do Brasil.
E, misteriosamente, depois de uma vida autossustentável com milhares de anos de uma história cheia de realizações eles simplesmente desapareceram — sem deixar rastros.
Para onde foram?

Compre agora!
O livro, um eBook, só está à venda na Amazon. Aproveite o preço promocional!


Jacobi Consultoria
Minerador, quer negociar a sua área, ganhar dinheiro com a mineração, atrair sócios estrangeiros ou pesquisar os minérios em sua área? Por que esperar mais?

Só para você: veja as matérias que selecionamos sobre o assunto:

Será que já chegamos ao minimo Solar e a uma nova Mini Era Glacial? 3/5

Ser Geólogo 6/8

Geologia é vida! 29/5

Baixíssima atividade solar: cientistas apontam para a possibilidade de uma nova mini era do gelo em poucos anos 24/4



RENCA: após 33 anos de inatividade e incompetência a Reserva Nacional do Cobre volta ao investimento privado 4/7

Mineração: as melhores apostas de 2016 20/1

S11D, o sonho da Vale, entra em produção 18/1

Exploração mineral: por que investir em zinco? 17/1

Brasil: a volta dos investimentos 17/1

Bons ventos na mineração: o minério de ferro explode em 2017 16/1

A ameaça de Pasadena: a vez e a hora de Dilma Roussef 20/11

Trump pode ser o catalizador de um novo boom na mineração 10/11

Efeito Trump: Minério de ferro em alta recorde 11/10

O Portal do Geólogo

Geologia e Mineração contadas por quem entende

Desde 27/3/2003

Não entendeu a palavra?

Pesquise o termo técnico!




Pesquise no universo do Portal do Geólogo!

Digite uma palavra na caixa abaixo e estará pesquisando centenas de milhares de matérias armazenadas no nosso site.

 

 

palavra com mais de 2 letras
O Portal do Geólogo    Editor: Geólogo Pedro Jacobi