O Portal do Geólogo
13/8/2020 23:03:38

Geologia & Salários



Publicado em: 3/1/2013 14:46:00

  por   Pedro Jacobi

 Nos últimos dias a mídia nacional muito tem falado sobre os salários de Geólogos.
Recentemente a Globo fez uma reportagem colocando o Geólogo como o profissional mais bem pago do mercado com salário médio de R$11.000/mês. Em outras matérias vimos salários acima de 20.000 Reais para Geólogos em cargos executivos. Já os órgãos estatais colocam o salário médio de Geólogo em R$5.287 sem mestrado ou doutorado. Esses números devem ser entendidos corretamente pois refletem, também, a experiência do grupo de Geólogos analisados. De qualquer maneira eles  ratificam a Geologia como uma das top tens no Brasil, sem nenhuma sombra de dúvida.
Mesmo quando discrepantes, essas matérias mostram uma realidade: o Geólogo é um dos profissionais mais bem pagos no mercado atual.

Sou Geólogo e falo embasado em uma experiência de 42 anos: a  Geologia não é uma profissão comum. Ela é muito mais do que um simples salário sendo uma das profissões mais interessantes e plenas que existem. Um bom Geólogo é um profissional diferenciado, com uma série de atributos que não são comuns a maioria das profissões. Se você não conhece a profissão, seus desdobramentos, áreas de atuação, pré-requisitos eu sugiro que, antes de optar por fazer o curso de Geologia que estude, com  grande detalhe, o que é a Geologia e qual são os trabalhos que um Geólogo pode exercer dentro dela. É fundamental, também, que você saiba sobre o ambiente de trabalho do Geólogo. Sem esses conhecimentos você poderá descobrir, muito tarde, que não foi talhado para essa profissão.
Nas minhas empresas os salários de geólogo variam entre R$12.000 a R$46.000 por mês. A variância salarial é, naturalmente, devida a experiência e ao cargo exercido pelo Geólogo. Como essas empresas são junior companies esses números não devem ser considerados como representativos. 
Os altos salários são encontrados, principalmente entre os Geólogos Executivos e  os Consultores. Esses, são pagos por dia e recebem entre R$1000 a R$4000/dia o  que pode superar o valor de R$100.000/mês trabalhado. Os executivos, além de  salários costumam receber, também, bônus e opções. Neste caso se a empresa tem  uma subida significativa no seu valor de mercado, o executivo pode receber  recompensas acima de milhão de dólar como prêmio.
Contada dessa forma a história parece irresistível. No entanto não são todos os  Geólogos que irão chegar a este ponto, apenas alguns conseguirão.
Para sua informação eu vou contar a minha “receita de bolo” para um bom salário.
Se você acha que se enquadra ou que, melhor ainda, excede nos pontos listados abaixo, eu posso garantir que você não terá problema em conseguir um emprego de ponta na Geologia.

O que eu busco em um Geólogo é um misto de experiência, dinamismo, conhecimento, inteligência, empreendedorismo e coragem. Para mim um bom Geólogo vale muito mais do que o salário que recebe. O Geólogo bem sucedido deve, como primeiro objetivo, adicionar valor à empresa que o contrata. Ele deve ser criativo e ser capaz de mudar, para melhor,  os rumos da empresa.
Um grande Geólogo de exploração mineral deve ir além e conseguir ver e entender, claramente, a diferença, nos estágios iniciais do projeto, entre um prospecto ganhador dos demais, que só irão fazer a empresa investir sem nenhum retorno econômico. O bom Geólogo de exploração mineral consegue conectar a Geologia à economia vendo dólar onde outros somente veem rochas e minerais. Ele deve estar confortável nos mais diversos ambientes de trabalho, da selva ao deserto. Um bom Geólogo tem foco e uma enorme automotivação. Ele deve liderar, treinar e inspirar os membros de sua equipe.
Como você pode ver a receita acima está direcionada aos Geólogos de Exploração Mineral.
Não fique triste se o seu perfil não é totalmente compatível pois a Geologia é ampla com inúmeras áreas de atuação passando por Geologia de Minas, Laboratórios, Universidades e Magistério, Geofísica, Geoquímica, Geologia de Exploração, Astrogeologia, Geo-Engenharia, Geotécnica, Geologia Econômica, Sondagens Geológicas, Geologia Marinha, Vulcanologia, Geocronologia, Hidrogeologia, Sedimentologia, Geologia Estrutural, Geologia de Petróleo, Paleontologia, Geologia Isotópica, Petrologia, Petrografia, Paleoclimatologia, Geologia Ambiental, Analista de Bolsas de Valores e Entidades econômicas e muitas outras especializações. Ufa!!!

Se todas essas opções ainda não forem o suficiente  e você  for ousado,  quem sabe montar a sua própria empresa de Geologia e mergulhar de cabeça no mundo dos negócios internacionais e das bolsas de valores mundiais não seja o seu caminho?
Lembre-se que você é o que você sabe!
Sucessos em 2013!!


Autor:   Pedro Jacobi - O Portal do Geólogo

 
12.000 ANOS DE ABANDONO  um livro de Pedro Jacobi

Caro usuário do Portal do Geólogo
Se você gosta de descobertas arqueológicas inéditas no meio da Amazônia vai gostar do livro que estou lançando. É um não ficção sobre uma pesquisa real que estou fazendo.

Com o avanço do desmatamento e com o auxílio da filtragem digital em imagens de satélites, descobri nada menos do que 1.200 belíssimas construções milenares, no meio da Amazônia — totalmente inéditas.

São obras pré-históricas, algumas datadas em 6.000 anos, incrivelmente complexas e avançadas — as maiores obras de aquicultura da pré-história que a humanidade já viu.
Neste livro você se surpreenderá com essas construções monumentais, grandiosas e únicas, feitas por aqueles que foram os primeiros arquitetos e engenheiros do Brasil.
Trata-se de importante descoberta arqueológica que vai valorizar um povo sem nome e sem história. Um povo relegado a um plano inferior e menosprezado pela maioria dos cientistas e pesquisadores.

Dele quase nada sabemos. Qual é a sua etnia, de onde veio, quanto tempo habitou o Brasil e que língua falava são pontos a debater.
No entanto o seu legado mostra que ele era: muito mais inteligente, complexo e tecnológico que jamais poderíamos imaginar.
Foram eles que realmente descobriram e colonizaram a Amazônia e uma boa parte do Brasil.
E, misteriosamente, depois de uma vida autossustentável com milhares de anos de uma história cheia de realizações eles simplesmente desapareceram — sem deixar rastros.
Para onde foram?

Compre agora!
O livro, um eBook, só está à venda na Amazon. Aproveite o preço promocional!

  

 


geologia editorial    51241

Só para você: veja as matérias que selecionamos sobre o assunto:

A primeira datação de rocha feita em Marte 29/12

Erro crasso: os diamantes de 4,4 bilhões de anos não existem 28/12

Aquífero gigante descoberto na Groenlândia 23/12

Curiosidades da Geologia: Lusi o maior vulcão de lama do mundo ainda em erupção 19/12

BHP fecha mina: motivo terremoto 18/12

Zimbabwe: o triste fim da produção de diamantes 17/12

 Brasil: pesquisar ou mudar? 13/12

Minério de ferro: paralisação das minas de Goa e Karnataka deixa 100.000 desempregados 12/12

Repensando a Geologia: Centro de Relacionamento Empresa-Universidade 12/12

Mineração no fundo oceânico e conservação ambiental podem coexistir? 11/12

Tsunami de 2011 foi resultado de falha com o maior rejeito já medido 9/12

Você sabe o que é isso? 6/12

Sequestro de carbono: a salvação pode estar nos basaltos 27/11

Brazil Resources fecha negócio e compra a Brazilian Gold 22/11


O Portal do Geólogo

Geologia e Mineração contadas por quem entende

Desde 27/3/2003
As mais lidas
1 : Dele2maio2018 ...
2 : dele 4nov ...
3 : deletados abaixo100 28fev19 ...
4 : index ...
5 : aguahisteria ...
6 : deslizamentos ...
7 : MINEX ...
8 : halldafama ...
9 : aquecimento ou resfriamento ...
10 : Pesq-reconhecermeteorito ...
Raridade - Calcita Ótica âmbar
Raridade à venda: calcita ótica âmbar

Não entendeu a palavra?

Pesquise o termo técnico!




Pesquise no universo do Portal do Geólogo!

Digite uma palavra na caixa abaixo e estará pesquisando centenas de milhares de matérias armazenadas no nosso site.

 

 

palavra com mais de 2 letras
O Portal do Geólogo    Editor: Geólogo Pedro Jacobi