O Portal do Geólogo
26/3/2019 21:17:28

A “dura” vida dos milionários CEOs da mineração



Publicado em: 17/3/2016 18:04:00

Se você quer ganhar um salário anual de oito dígitos (em dólar) talvez seja interessante considerar a posição de CEO em uma das grandes empresas de mineração como a Rio Tinto, BHP e Vale.

É o caso de Sam Walsh, o CEO da Rio Tinto que ganha aproximadamente um total de US$10 milhões por ano.

Sam assumiu este cargo em janeiro de 2013 para substituir o infame Tom Albanese que havia dado um prejuízo recorde de US$22 bilhões em dois anos.

Tom, obviamente foi demitido e Sam, o novo salvador da pátria, com o seu sorriso “gente fina” começou uma gestão que tinha tudo para ser bem sucedida. No primeiro ano ele emplacou um lucro de US$3,7 bilhões e tudo levava a crer que ele ficaria no trono até a sua aposentadoria.

Um CEO até que ganha bem, mas é cobrado na mesma proporção.

Sam Walsh caiu em desgraça ao “colher” um prejuízo líquido de US$866 milhões em 2015. Não adiantou espernear e colocar a culpa nos preços em queda do minério de ferro, que, aliás, era uma verdade.

Sam caiu na desgraça assim como todos, ao quase todos, os executivos em seu lugar.

Eles são bem pagos para dar gigantescos lucros para os acionistas. Sem isso não existe razão para um CEO com salário de 8 dígitos.

Sam Walsh está sendo aposentado compulsoriamente em julho de 2016.

O mercado recebeu esta notícia hoje, mas, como sempre, se adianta e já se preocupa com o novo CEO, Sébastien Jacques , que vai assumir em seguida. O Rei está morto, viva o Rei.

É assim que as coisas funcionam em empresas sérias quando o CEO não corresponde.

No entanto, aqui no Brasil as coisas são bem diferentes.

Um bom exemplo é o CEO da Vale, Murilo Ferreira. Ele assumiu o cargo cheio de promessas em 2011. Queria produzir mais aço, agregando valor aos produtos de exportação da Vale, mas nada disso ocorreu.

Murilo teve um dos piores desempenhos em todo o setor.

Quando assumiu a Vale valia US$170 bilhões, hoje, depauperada por anos de mau gerenciamento, a mineradora tem um valor de mercado de apenas US$20 bilhões. Na gestão de Murilo a empresa encolheu 88% e somente no ano passado ele “gerenciou” um prejuízo de R$44,2 bilhões.

Alguém se pergunta se o nobre CEO, cujo salário é guardado a sete chaves, foi demitido?




Autor:   Pedro Jacobi - O Portal do Geólogo

  

 


editoriais ferrosos minex polemicos    30027
12.000 ANOS DE ABANDONO  um livro de Pedro Jacobi

Caro usuário do Portal do Geólogo
Se você gosta de descobertas arqueológicas inéditas no meio da Amazônia vai gostar do livro que estou lançando. É um não ficção sobre uma pesquisa real que estou fazendo.

Com o avanço do desmatamento e com o auxílio da filtragem digital em imagens de satélites, descobri nada menos do que 1.200 belíssimas construções milenares, no meio da Amazônia — totalmente inéditas.

São obras pré-históricas, algumas datadas em 6.000 anos, incrivelmente complexas e avançadas — as maiores obras de aquicultura da pré-história que a humanidade já viu.
Neste livro você se surpreenderá com essas construções monumentais, grandiosas e únicas, feitas por aqueles que foram os primeiros arquitetos e engenheiros do Brasil.
Trata-se de importante descoberta arqueológica que vai valorizar um povo sem nome e sem história. Um povo relegado a um plano inferior e menosprezado pela maioria dos cientistas e pesquisadores.

Dele quase nada sabemos. Qual é a sua etnia, de onde veio, quanto tempo habitou o Brasil e que língua falava são pontos a debater.
No entanto o seu legado mostra que ele era: muito mais inteligente, complexo e tecnológico que jamais poderíamos imaginar.
Foram eles que realmente descobriram e colonizaram a Amazônia e uma boa parte do Brasil.
E, misteriosamente, depois de uma vida autossustentável com milhares de anos de uma história cheia de realizações eles simplesmente desapareceram — sem deixar rastros.
Para onde foram?

Compre agora!
O livro, um eBook, só está à venda na Amazon. Aproveite o preço promocional!


Jacobi Consultoria
Minerador, quer negociar a sua área, ganhar dinheiro com a mineração, atrair sócios estrangeiros ou pesquisar os minérios em sua área? Por que esperar mais?

Só para você: veja as matérias que selecionamos sobre o assunto:

Mineração: as melhores apostas de 2016 20/1

A ameaça de Pasadena: a vez e a hora de Dilma Roussef 20/11

Trump pode ser o catalizador de um novo boom na mineração 10/11

Efeito Trump: Minério de ferro em alta recorde 11/10

Mineração & Brasil: o país do futuro? 29/9

Mineração: adicionar valor ou morrer tentando... 3/9

Conselhos ao geólogo recém-formado 8/9

Filipinas em guerra pelo meio ambiente 1/8

Mineração: quem vai tapar os buracos amanhã? 22/7

Brazil Resources supera 480% no ano: analistas apostam em 1.900% ainda em 2016 18/7

Mini Era Glacial? O que esperar do futuro próximo 7/1

Mineração: em quem apostar as fichas? 22/6

Exploração espacial: a nave asteroide 7/6

Minério de ferro: economia em alta faz mineradoras americanas reabrirem antigas minas 31/5

O Portal do Geólogo

Geologia e Mineração contadas por quem entende

Desde 27/3/2003
As mais lidas
1 : Dele2maio2018 ...
2 : dele 4nov ...
3 : index ...
4 : aguahisteria ...
5 : deslizamentos ...
6 : dele-23maio17 ...
7 : dele abaixo de 200 24DEZ15 ...
8 : novoboomdaexploracao ...
9 : Santa Maria ...
10 : encontreiverbetes ...

Não entendeu a palavra?

Pesquise o termo técnico!




Pesquise no universo do Portal do Geólogo!

Digite uma palavra na caixa abaixo e estará pesquisando centenas de milhares de matérias armazenadas no nosso site.

 

 

palavra com mais de 2 letras
O Portal do Geólogo    Editor: Geólogo Pedro Jacobi